Posts Recentes

Coisas que ninguém te conta sobre ter um blog

20 de junho de 2018



É engraçado como a nossa percepção da blogosfera muda assim que passamos a conhecer mais sobre essa importante parte na história da internet, e acho hilário como isso é diferente pra quem começou a blogar agora e pra quem tá nessa área desde os tempos que Rotaroots era o grupo mais badalado pra maioria dos blogueiros...
A rede dos blogs costumava ser mais calma e amigável, as pessoas uniam-se pra fazerem projetinhos, seguia-se um blog e era legal ficar animado à cada conteúdo novo que aquele blog que gostávamos publicava. Hoje as coisas são um pouco diferentes, muita gente não sabe, mas blogs deixaram de ser apenas hobbies e viraram trabalho, somam-se números, links de retribuição, e o pior, com essas interações cada vez mais famosas, as pessoas entram sim nos blogs dos amiguinhos, mas só pra dar um comentário superficial, deixar seu link lá e em troca, receber outros comentários. Ah Hay, mas que mal isso tem? em participar e ser pró-ativo nenhum, o problema é não se dar ao luxo de conhecer um conteúdo bacana que pode estar naquele blog que as pessoas só passam pra dizer "ah que legal, me identifico, meu blog é tal". Eu também participo de interações, mas costumo ler o máximo de conteúdo do blog visitado, conhecer a escrita de quem publicou aquela pauta, e me sinto grata por tanta coisa legal espalhada por aí...
Ninguém te conta que pra manter um blog requer esforço, tem hora que dá vontade de abandonar e seguir a vida, ou às vezes a vontade de escrever não vem e a criatividade some, então se você pensa em ter um blog, aqui vai um conselho de uma anciã: Espalhe amor, e se quer retorno no seu cantinho, visite, se faça presente e mostre aos outros que você pode fazer a diferença, mesmo sendo um. Leia, se inspire, propague, e uma dica bem legal é participar de projetos, como a blogagem coletiva, é um ótimo exercício pra se manter em harmonia com outros blogueiros.
Tendo em mente essa filosofia de que falta amor na blogosfera, eu criei um grupinho pra tentar exercitar isso e fazer com que, talvez, floresça esse sentimento em outras pessoas.
Acima de tudo, não me contaram o quanto blogar pode fazer a gente feliz, o simples fato de pensar, digitar a pauta, tentar trazer um conteúdo que a gente acha ser legal, é um imenso prazer, e talvez seja por isso que mais e mais pessoas se juntam à essa rede maravilhosa. E você o que acha? o que não te contaram que acha importante saberem?



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário